Delegue e mostre quem você é

A complexidade e a quantidade de demandas delegadas à sua equipe podem revelar o seu estilo de gestão: bem gerenciada ou “delargada”.

Isso porque liderar bem consiste em delegar objetivos e tarefas, inspirando as pessoas a darem o seu melhor. Portanto, se você é líder, atente-se a isso! Nenhuma delegação dispensa o gestor do acompanhamento dos resultados.

O gestor delega a responsabilidade de fazer, mas a responsabilidade pelo resultado continua sendo do líder.

Delegar não é apenas mandar alguém fazer um trabalho, nem “se livrar” de uma atividade chata, repetitiva ou então que você possa ter, eventualmente, “empurrado há tempos com a barriga” . Delegar significa saber dividir responsabilidades ao mesmo tempo em que se desenvolve novas habilidades, em você e no outro.

É possível ter uma força de trabalho comprometida e engajada com as tarefas desde que essas pessoas se sintam parte do resultado estratégico, e isso deve ser mostrado claramente pelo gestor ao delegar.

Tudo começa com o estabelecimento de relacionamentos produtivos, conversas sinceras e senso de pertencimento. Para isso, você precisa saber as prioridades, forças e gaps de desempenho das pessoas que fazem parte do seu time.

Aprender o que é importante para cada membro da equipe, eliminando suposições equivocadas e resolvendo mal-entendidos, permitirá que a sua liderança seja reconhecida.

Expectativas desencontradas podem criar muitas frustrações no ambiente de trabalho, por isso é fundamental que as suas equipes saibam exatamente o que é esperado, quais tarefas irão receber, e qual é o seu papel como líder no alcance desses objetivos.

Faça uma pausa, alinhe com os times o que eles esperam e deixe claro quem você é como líder, o que pretende delegar e o que não. Certifique-se que todos estão na mesma página e, naturalmente, terá mostrado quem você é (e a que veio!)!

Você pode contar com a ajuda da Up Training Company nessa missão: https://uptc.com.br/