Escreveu, não leu… o erro é seu!

Escreveu, não leu… o erro é seu!

Em um dia cheio de transmissões ao vivo, mensagens de áudio, vídeos animados, textos rápidos via aplicativos, entre tantos outros formatos interativos, manter a clareza e a precisão na comunicação escrita é cada vez mais desafiador, e ao mesmo tempo tão importante quanto uma boa entrega de serviço ou produto.

Isso porque a comunicação escrita vem sendo informalizada a cada dia, não apenas pelos jovens, mas também por quem está se deixando levar pelos atalhos da comunicação expressa.

Colegas, clientes, fornecedores, pares e gestores certamente apreciam quem se comunica bem, assim como você, por isso não negligencie uma habilidade tão relevante em nome da velocidade das coisas.

A gentileza nas mensagens não eliminará a objetividade necessária, tampouco uma escrita correta e amigável.

Estamos todos sujeitos ao erro, incluindo a hora de escrevermos algo para alguém, mas isso gera aprendizado; e faz parte de um processo de evolução.

O mais importante é entender qual a falha para que não se repita outras vezes.

Escreveu, não leu? O erro é seu! Admita. Aprenda. Corrija!

Certamente, as pessoas não têm mais tempo de ler longos documentos, mas entenda que reunir todos “ao vivo e em cores” é cada vez mais difícil.

Portanto, a competência de redigir mensagens e oficializar decisões a partir de uma boa escrita é cada vez mais importante.

A capacitação de profissionais para a produção de textos com clareza, coerência, objetividade, precisão e concisão é uma das missões de uma grande liderança.

Criei este e-book gratuito para você sobre como se tornar uma liderança de excelência para equipes remotas:

https://uptc.com.br/e-book-lideranca-remota/

Me conte depois o que achou.