Ensaiar não é algo para amadores

Saber improvisar pode, eventualmente, ser uma vantagem. Entretanto, saber “fazer e acontecer” com o devido preparo é uma vantagem real – qualquer que seja a situação.

Quem nunca precisou improvisar quando algo deu errado? Embora seja muito bom saber contornar situações imprevistas, estar preparado para o que “der e vier” ainda é a melhor opção – em especial em apresentações corporativas.

O preparo necessário para realizar uma tarefa com excelência é conquistado com muitos “ensaios”, ou seja, com muito estudo, prática e também perseverança, e isso só faz quem não é amador.

A comunicação, quando bem feita, gera conexões sólidas, fortes e – acima de tudo – confiáveis. Quem não quer ter essas qualidades atreladas a um trabalho, não é mesmo?

Para uma boa comunicação é necessário um esforço constante, mas compensador. Somos todos corresponsáveis pelas ações de comunicação em que estamos envolvidos.

Uma boa apresentação dá trabalho. É preciso investir tempo. Imagine então se você precisa fazer uma apresentação importante virtualmente? Sua equipe, seus pares e sua empresa merecem seu preparo. Para chamadas virtuais, “ensaie” ao deixar esses sete itens em ordem:

  1. Faça contato visual com a câmera!
  2. Mantenha uma postura ereta na cadeira
  3. Respire profundamente
  4. Responda com frases curtas e com poucos adjetivos
  5. Demonstre um tom confiante
  6. Use pausas bem colocadas
  7. E ouça com atenção e interesse

Esses são sinais de interesse que podem te conectar ainda mais com a pessoa que está do outro lado da tela. Certamente quem se comunicar com você saberá que “ensaio” não é para amadores!

 

Conheça os treinamentos da Up Training company: https://uptc.com.br/