Seth Godin na ATD 2019: Dançando à margem da revolução

 

Seth Godin na ATD 2019: Dançando à margem da revolução

 

Seth Godin, apresentador e autor de mais de 18 best sellers, foi provocativo e tocou mais de 10 mil espectadores em sua palestra na ATD’s International Conference & Exposition 2019, em Washington.
Isso porque sua visão sobre o papel do desenvolvedor de talentos é de pura persistência e de generosidade. Para ele, o papel do treinador é de contar histórias para fazer as mudanças acontecerem.
Seth enfatizou, ainda, que na era digital todo mundo pode ser concorrente, pois além de sermos consumidores também podemos fazer negócios com o mundo inteiro em segundos.
Com essa concorrência evidente, a mentalidade de desenvolvedores e líderes de talentos não deve considerar apenas um produto tangível e o preço mais baixo; é preciso também oferecer uma experiência aos clientes, algo mágico.
Godin provocou os participantes: “Como você vai saber o que é essa coisa mágica?” O que criará esse sentimento?”. Para ele, ajudar as pessoas a descobrirem o que fazer diante deste paradigma é o papel do profissional de treinamento e desenvolvimento. Godin afirmou: “Somente quando você oferece algo mágico as pessoas atravessam a rua para chegar até você”.
Essa nova realidade requer líderes dispostos a seguirem em frente, mesmo que não tenham a certeza de que as coisas vão funcionar. Para exemplificar, Seth relembrou como Gutenberg lançou a imprensa num momento em que a maior parte da população não sabia ler. Muitas pessoas provavelmente pensaram que tudo aquilo era uma tolice.
E Godin ainda insistiu: “É sempre cedo demais! Para fazer a diferença, você tem que dar esse salto e estar disposto a voar mais alto.”